OCT | Vencedores do Prêmio Odebrecht Sustentabilidade México visitam o Baixo Sul

Entre os dias 11 e 13 de Agosto o Baixo Sul da Bahia recebeu visitantes de muito longe. Graças ao Prêmio Odebrecht Sustentabilidade, três estudantes do México puderam visitar e conhecer as ações desenvolvidas pelo Programa de Desenvolvimento e Crescimento Integrado com Sustentabilidade (PDCIS).

Héctor Alejandro, Miguel Angel Montes e Jorge Alberto Gonzalez, acompanhados de Reinaldo Oliveira, P&O da Odebrecht Infraestrutura México, passaram por diversas instituições do Programa. A OCT foi uma delas. Durante o dia 11, o grupo pode conhecer um pouco mais sobre o Programa Carbono Neutro Pratigi através de uma apresentação de Volney Fernandes, diretor executivo da OCT e também de uma ida a campo, onde puderam conhecer nascentes restauradas pela iniciativa e também tiveram a oportunidade de plantar uma árvore.

Segundo Oliveira, rever o Baixo Sul foi muito interessante. “É um prazer ver os projetos sociais desenvolvidos pela Fundação Odebrecht tomar corpo, vendo os resultados agora com os agricultores, a exemplo dos projetos da OCT , através dos sistemas agroflorestais, da silvicultura, da recuperação de nascentes e da neutralização de carbono. A gente fica feliz de ver esse resultado não apenas na teoria, mas também na prática, como vimos no campo”.

Miguel, um dos vencedores do prêmio, se encantou com a paisagem da APA do Pratigi. “É um visual bastante rico, são muitos recursos naturais, e a iniciativa desenvolvida aqui  é muito boa, pois incentiva as pessoas a conservar. Estou encantado com o clima, com as pessoas e com a beleza do país”.  Hector  concorda com o colega, e afirma que pelo pouco que viu pode notar que as iniciativas ainda terão muitos resultados:  “acredito que com a assistência técnica oferecida a região pode melhorar bastante”.

“Talvez este seja um dos ideais de comunidades sustentáveis e a iniciativa tem uma participação muito importante nessa experiência. Em minha experiência como biólogo eu nunca tinha visto algo parecido. Seria bom se conseguíssemos replicar isso no México”, comenta Jorge.

Volney Fernandes, diretor executivo da OCT, acredita que receber a visita de parceiros é sempre fundamental para que os projetos tornem-se cada vez mais conhecidos. Ele destaca ainda que o fato das pessoas terem a oportunidade de conhecer in loco o resultado das iniciativas torna a experiência ainda mais marcante. “Eles que vem de tão longe passam a ver de perto a realidade local, e por isso, começam a ver o discurso aplicado na prática, tornando-se atitude. Uma vez vivenciando essa experiência eles podem tomar para si o exemplo e usar as nossas práticas, em outro país, como estratégias de mitigação das mudanças climáticas.”, comenta.

 


  • 26/08/2015 • Geral
  • Facebook Twitter Google+ E-mail Imprimir página

Parceiros